Análise de Dados, Programação, R

Aprenda agora como importar dados no R

Como importar dados no R?
Ambiente para entender como importar dados no R.

Não sou um mago do programa R e não pretendo ser. Contudo, o melhor é poder compartilhar o conhecimento com quem está começando! Visto isso, posso ter certeza que uma das primeiras perguntas de um iniciante, ao ver a “folha em branco” que é o R, é: Como importar dados no R?

Bom, existem muitas maneiras e esse processo pode se dar com dados de diversas origens. Contudo, existe um modo bem simples. Acredito que seja o mais simples de todos, pois não precisa de muitos parâmetros para que o R reconheça a estrutura de seus dados.

Não falo pelos dados mais complexos, mas sim por dados que serão utilizados em pesquisas mais simples. Variáveis qualitativas e quantitativas. Não penso aqui em bases gigantescas, mas também não é necessário serem muito pequenas. Vamos começar?

Defina um diretório para o R trabalhar

Em primeiro lugar é preciso definir um local onde o programa R irá buscar os arquivos para trabalhar. Neste caso, em seu próprio computador. Esse diretório também será utilizado para exportação de arquivos e para salvar o código a ser criado.

Você tem duas opções simples para definir esse diretório. A primeira é utilizando o menu do R, mas não acho que seja tão legal, mas a segunda é programando. Vamos utilizar o comando setwd() para definir nosso diretório.

É simples. No exemplo de hoje, criei no disco C do meu computador uma pasta de nome teste_r. Como quero que essa pasta seja meu diretório eu devo escrever a seguinte linha de código:

[code lang=”r”] setwd("c:/teste_r") [/code]

Com esse processo você determina a pasta teste_r, no disco C, como seu diretório de dados. Mas como saber se realmente o R entendeu isso? Basta escrever mais esse linha de código:

[code lang=”r”] getwd() [/code]

É bem simples, não é? Vamos em frente!

P.S.1: Lembre, no programa R a barra usada (/) não é como no padrão Windows (\).

Seus dados devem estar no formato CSV

Agora, é preciso ter os dados salvos em um arquivo .CSV. Se seus dados estavam em uma planilha Excel é bem simples. Nas opções de salvar como você terá escrito “CSV (separado por vírgulas) (*.csv)“. Como na imagem abaixo:

Salvar CSV
Salvar arquivo Excel em CSV

Para isso, vamos usar uma base simples de 23 pacientes com o id (identificação), idade e sexo. Como na imagem abaixo:

plan 01
Base de dados utilizada

Após salvar essa base de dados na pasta determinada como o diretório do programa R, vamos entender o modo mais simples de inserir esses dados no ambiente R e como visualizá-los também.

Ao importar sua base é importante ter certeza de que não existem colunas ou linhas que possam ter sido especificadas, mas na verdade estão vazias.

Como, geralmente, salvamos esses dados em uma planilha Excel e em seguida, salvamos em CSV, é importante deletar duas ou três colunas à direta de seus dados e umas duas ou três linhas abaixo de seus dados. Isso ajudará você a ter certeza de que não haverá problemas de existirem mais linhas ou mais colunas no arquivo de dados importado.

Nossa base se chamará bd01. Agora, vamos ver como importar dados no R? Vamos em frente!

 

 

 

Como importar dados no R com o ‘read.csv2’

Bom, agora vamos inserir nossos dados no R. Para isso usaremos a função read.csv2. Esta função fica dentro de um pacote chamado de  R.utils: Various Programming Utilities, ou apenas utils.

Para importar nossa planilha, com o nome de bd01.csv, basta utilizar o seguinte comando no programa R:

[code lang=”r”] bd01 < – read.csv2("bd01.csv") [/code]

E pronto! Sua base de dados já está no seu ambiente R. Para quem não sabe, primeiro nomeio a nova base a ser inserida. Para isso, basta utilizar um nome e ao seu lado direito um sinal de menor (<) seguido de um sinal de menos (-), como no código acima. Só após isso colocaremos a função read.csv2.

Se a função for escrita sem que seja determinado um nome para essa base (ou objeto), o mesmo simplesmente aparecerá na tela de output do programa R.

Como visualizar esses dados?

Por último, como olhar para esses dados que estão no ambiente R? Ao contrário de uma planilha Excel, onde é possível visualizar seus dados o tempo todo, os dados no R não ficam visíveis. Para isso, use o comando abaixo:

[code lang=”r”] fix(bd01) [/code]

Simples, não? Mas para simplificar mais ainda, deixo aqui neste post a planilha de exemplo, o código utilizado e mais um vídeo explicativo para estudar! Agora sim ficou fácil, não?

Baixe o código em R, clicando aqui. Baixe o arquivo .csv utilizado, clicando aqui. Também assista o vídeo abaixo!

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

 

Tagged , , , , , ,

2 thoughts on “Aprenda agora como importar dados no R

  1. Muito bom o site, muito interessante mesmo, aprendi várias coisas que eu nunca
    tinha visto em nenhum outro lugar. Parabéns!
    Continuem postando esses artigos que ajudam muito a todos que querem aprender
    mais. Obrigado.

Deixe uma resposta